França Silva constata que grávidas têm problemas na hora do parto por falta de pediatra e medicamentos no Hospital Regional

NO AR

MANIA SERTANEJA com Hailton Freitas

TOP 5

1

A Gente Fez Amor

Gusttavo Lima
2

Com Ou Sem Mim

Gustavo Mioto
3

Graveto

Marília Mendonça
4

Liberdade Provisória

Henrique e Juliano
5

Água Com Açúcar

Luan Santana

ENQUETE

O QUE VOCÊ GOSTARIA DE OUVIR NA ONDA SUL?

FACEBOOK

TEMPO VILHENA

 


Data: 08 de Maio de 2017

França Silva constata que grávidas têm problemas na hora do parto por falta de pediatra e medicamentos no Hospital Regional

Secretário municipal de Saúde pediu prazo até o dia 30 de junho para normalizar a situação

A visita surpresa feita pelos vereadores de Vilhena na manhã desta sexta-feira, 5 de maio, trouxe à tona as dificuldades que os pacientes enfrentam ao serem atendidos no Hospital Regional Adamastor Teixeira de Oliveira.

Chamou a atenção do vereador França Silva (PV) a situação das grávidas que estão tendo dificuldades para ter o parto por falta de pediatra. França se comprometeu em acompanhar e fiscalizar o trabalho dos pediatras para que o atendimento seja digno para as futuras mães no município.

“Por causa desse entrave há uma fila enorme de grávidas que correm o risco de perder o filho que tanto esperam”, explicou o vereador.

Outra situação inaceitável e que corrobora para aumentar a fila de espera e a ansiedade das grávidas é a falta de medicamentos necessários para a realização do parto. “A hora do parto deve ser um momento especial e de muita alegria, não de ansiedade e insegurança, como vem acontecendo no Hospital Regional de Vilhena”, desabafou França.

Após a visita dos vereadores ao HR, o secretário municipal de Saúde Marco Aurélio Vasques convocou os vereadores para uma reunião em seu gabinete no paço municipal. Na reunião, França expôs o problema e cobrou uma ação imediata do titular da pasta.

Num tom conciliador, permeado pela vasta experiência na área da saúde pública, o secretário explanou as dificuldades que vem enfrentando com os pediatras do hospital e com o estoque de medicamentos. “Vamos suprir as necessidades e suas reivindicações serão atendidas vereador. Peço prazo até o dia 30 de junho para normalizar a situação”, justificou o secretário.

França Silva lembrou que a Câmara de Vereadores têm sido solidária e vem aprovando os projetos advindo da Saúde que precisam da deliberação dos edis para serem executados. “Seguiremos fiscalizando, pois esse é o nosso papel, somos cientes dos desafios enfrentados pela administração pública e confiamos que a população vilhenense terá o atendimento que merece dentro do Hospital Regional”, asseverou França Silva.

 

DICOM – Câmara de Vilhena





FÃ CLUBE

Área do site reservada aos fãs da Rádio Onda Sul FM 94,9. Se você ainda não se cadastrou Clique Aqui para solicitar sua carteirinha gratuitamente, para participar das promoções exclusivas que só os fãs da Rádio Onda Sul FM têm.

CONTATO

(69) 3321-1130 Avenida Rio de Janeiro, 3986 - Setor 19 Vilhena RO
Softwei Engenharia de Sistema
Desenvolvido por Billtech, Buscazip & Guiaking © 2013 - 2020 Todos os direitos reservados