Agente penitenciário pede prestação de contas e é agredido no Singeperon

NO AR

CONEXÃO BR com Neto Granato e Evandro Filho

TOP 5

1

Milu

Gusttavo Lima
2

Dois Lados

Wesley Safadão
3

Show de Recaída

Bruno e Marrone
4

Quem Me Viu, Quem Me Vê

Edson e Hudson
5

Libera Ela

Raffa Torres

ENQUETE

O QUE VOCÊ GOSTARIA DE OUVIR NA ONDA SUL?

FACEBOOK

TEMPO VILHENA

 


Data: 07 de Novembro de 2014

Agente penitenciário pede prestação de contas e é agredido no Singeperon

 Que sindicato é usado como trampolim politico todo mundo sabe. Que presidente de sindicato quando parte para o peleguismo, adora fazer acordos com o ‘patrão’ em detrimento a toda uma categoria não é novidade Mas também sabemos que existe muito sindicalista decente, que realmente luta pelos interesses dos sindicalizados e não trata a entidade como extensão da sua cozinha.

Uma ocorrência policial, registrada em julho deste ano na Unisp (antigo 5ª DP) mostra que nem tudo são flores no Singeperon - sindicato dos agentes penitenciários de Rondônia. Comandado pelo servidor Anderson Nascimento, a entidade congrega centenas de agentes no estado.

Um associado, desconfiado das gastanças da entidade, pediu o relatório de prestação de contas do exercício 2011, 2012 e 2013. Para tanto, Rivan Eguez recolheu 107 assinaturas de colegas sindicalizados. No dia 29/07, quando cobrava na sede do Singeperon do presidente em exercício Sidnei Julho, o servidor foi agredido com palavra de baixo calão por um dos diretores da entidade que se meteu na conversa.

“O diretor, visivelmente nervoso, colocou o dedo na cara do sindicalizado e ainda o mandou ‘tomar no c...”. Rivan registrou ocorrência policial com a presença de duas testemunhas que presenciaram ‘in loco’ o fato. Posteriormente, entrou com pedido de afastamento do mal educado por falta de decoro. Ainda hoje aguarda decisão da diretoria.

Vale ressaltar que o presidente Anderson estava afastado da presidência por estar candidato a deputado estadual no pleito 2014. Acabou derrotado e preocupado com a luta dos agentes penitenciários  já voltou para a presidência da entidade para defender os interesses da categoria. Sobre o caso, emitiu nota 

Resolvi tornar pública esta agressão e minhas desconfianças em relação a transparência na condução dos gastos do Singeperon. Mas só agora, após as eleições, para não alegarem interesse de prejudicar a campanha do Anderson. Mas o assunto é grave e vou defender meu direito de saber o que realmente está acontecendo nesta gestão, que parece estar mais interessada em fazer politica” disse Rivan.

Fonte: Rondoniaovivo





FÃ CLUBE

Área do site reservada aos fãs da Rádio Onda Sul FM 94,9. Se você ainda não se cadastrou Clique Aqui para solicitar sua carteirinha gratuitamente, para participar das promoções exclusivas que só os fãs da Rádio Onda Sul FM têm.

CONTATO

(69) 3321-1130 Avenida Rio de Janeiro, 3986 - Setor 19 Vilhena RO
Softwei Engenharia de Sistema
Desenvolvido por Billtech, Buscazip & Guiaking © 2013 - 2019 Todos os direitos reservados