Caixa têm 100 milhões para o agronegócio

NO AR

ARENA UNIVERSITÁRIA com Gabriel Zamboni

TOP 5

1

A Gente Fez Amor

Gusttavo Lima
2

Com Ou Sem Mim

Gustavo Mioto
3

Declaração Pro Bar

Guilherme e Benuto part. Israel e Rodolffo
4

Liberdade Provisória

Henrique e Juliano
5

Bebi Minha Bicicleta

Zé Neto e Cristiano

ENQUETE

O QUE VOCÊ GOSTARIA DE OUVIR NA ONDA SUL?

FACEBOOK

TEMPO VILHENA

 


Data: 04 de Junho de 2015

Caixa têm 100 milhões para o agronegócio

Até o dia 30 de junho produtores rurais podem contrair empréstimos com juros de 6,5% ao ano. Após esta data a taxa será de 8,75%.

A ACIV (Associação Comercial e Empresarial de Vilhena) sediou na noite desta terça-feira, 2/6, uma palestra sobre financiamento rural. Com a presença do vice governador do estado Daniel Pereira, do secretário de estado da agricultura Evandro Padovani e do gerente regional da Caixa Econômica Federal, Bruce Guerra, a palestra teve como objetivo esclarecer o público presente, principalmente os produtores rurais, sobre as linhas de crédito disponíveis.

Segundo Bruce Guerra, a Caixa tem R$ 100 milhões disponíveis para o agronegócio em Rondônia, dentro do plano safra 2014/2015. "O grande atrativo desta linha é a taxa de juros que hoje no plano safra 2014/2015 está 6,5% ao ano, menor do que no próximo plano safra 2015/2016 que foi fixado em 8,75%", explicou. Os interessados devem procurar o gerente local da Caixa, na área do agronegócio.

Só que, os interessados em adquirir esta linha de crédito com juros mais baixos tem pouco tempo. O prazo de financiamento do plano safra 2014/2015 termina no próximo dia 30. "É importante que o produtor rural não perca esse crédito com o juros atuais, pois se não forem emprestados, os recursos serão devolvidos. Ficando somente o recurso do plano safra 2015/2016 com as taxas de juros mais altas", destacou o secretário da Seagri, Evandro Padovani.

Para o presidente da ACIV, Josemário Secco, está é uma excelente oportunidade para o produtor rural que tem a sua disposição uma linha de crédito com juros acessíveis para financiar uma série de investimentos, tanto na atividade pecuária como na agrícola. “O financiamento contempla, por exemplo, a aquisição de máquinas e equipamentos; proteção, correção e recuperação de solo; formação e recuperação de pastagens; aquisição de animais; construção de galpões e currais; entre outras coisas”, disse Josemário.

Participaram também da reunião, representantes da Emater, a deputada estadual Rosangela Donadon, o secretário adjunto da Casa Civil Ezequiel Neiva, e os gerentes das agências da Caixa Econômica Federal em Vilhena, Tarcísio Mauro Meneghetti e José Fabiano Sampaio Pinto Júnior.

 

 





FÃ CLUBE

Área do site reservada aos fãs da Rádio Onda Sul FM 94,9. Se você ainda não se cadastrou Clique Aqui para solicitar sua carteirinha gratuitamente, para participar das promoções exclusivas que só os fãs da Rádio Onda Sul FM têm.

CONTATO

(69) 3321-1130 Avenida Rio de Janeiro, 3986 - Setor 19 Vilhena RO
Softwei Engenharia de Sistema
Desenvolvido por Billtech, Buscazip & Guiaking © 2013 - 2020 Todos os direitos reservados